Home > Lifestyle > Pacotes de açúcar mais pequenos também nas grandes superfícies
19.07.2018

Pacotes de açúcar mais pequenos também nas grandes superfícies

Até ao final de 2019, os cafés, bares e restaurantes das grandes superfícies comerciais vão ter de reduzir o peso máximo dos pacotes individuais de açúcar para quatro gramas — metade do limite atual, que é oito. A medida está num acordo que vai ser assinado esta quinta-feira entre o Governo e as empresas de distribuição, que se comprometem a aplicar um peso máximo ainda menor do que já tem de ser respeitado, desde há dois anos, na generalidade dos cafés e nos restaurantes (cinco ou seis gramas).

A notícia é avançada pelo Público, que acrescenta que também na generalidade dos cafés e restaurantes o limite deverá ser novamente apertado em breve. Esta expectativa baseia-se num relatório publicado no site da Direção-Geral de Saúde (DGS), sobre os “Desafios e Estratégias” para a Alimentação Saudável em 2017/2018, onde se defende uma “revisão do protocolo celebrado com os industriais do café para a redução do volume dos pacotes de açúcar para um máximo de quatro gramas”.

As quatro gramas são o objetivo que deverá acabar por ser aplicado em todos os setores, embora não se saiba em que horizonte temporal. Pedro Graça, diretor do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, da DGS, defende, ao Público, que “não se trata de limitar a liberdade e os direitos das pessoas”, porque nada impede as pessoas de pedirem dois pacotinhos. Mas a redução, além de pensar na saúde pública, também está a pensar nas “muitas pessoas” que só usam metade do pacote e desperdiçam o resto, ou seja, criando também um problema ambiental.

Fonte: Observador